Quadro de artista indígena de Cotia está em exposição em Nova York

7c978ab695669716bea13d81bacf6dd6
Obra de Rosi Araújo integra mostra que faz parte da campanha Outubro Rosa

Um quadro da artista indígena de Cotia, Rosi Araújo, está em exposição, juntamente com mais dezenas de obras de outros artistas, na galeria de arte Saphira & Ventura Gallery, em Nova York (EUA). A exposição, que vai até domingo (13), faz parte da campanha Outubro Rosa, mês de conscientização sobre o câncer de mama.

Durante a mostra, parte das vendas será revertida em doação para uma instituição sem fins lucrativos que realiza pesquisas e tratamentos do câncer de mama. É a primeira vez que uma obra de Rosi vai para uma mostra com essa finalidade.

Para ela, ter uma arte indígena em um evento desta categoria, é importante para fazer um alerta sobre a saúde da mulher indígena, que na maioria das vezes "fica na invisibilidade".

"É importante que as pessoas se lembrem que tem as mulheres indígenas que também precisam de apoio para cuidar da sua saúde. Essa obra vai fazer com que as pessoas tenham essa compreensão", opina.

O quadro é a continuação da coleção que Rosi faz com engajamento consciente, onde traz uma reflexão para além da estética e da beleza. "Quero que tenha algo que toque na humanidade, de modo geral, para que as pessoas consigam compreender essa conexão homem-terra", explica.

Para isso, ela utiliza materiais sustentáveis, como argilas minerais, urucum, carvão e madeira reutilizada. Todo o material é extraído do seu ateliê, que fica em Cotia.

A exposição é realizada pela AVA Galleria, cuja sede fica em Helsinque, na Finlândia. O projeto conta com a curadoria do brasileiro Edson Cardoso, que já realizou várias mostras com artistas do país nas principais capitais do mundo. 

Com informações de Reporter Regional 

Veja mais notícias sobre Exposições.

Veja também: