Itapevi decreta estado de emergência após rompimento de contrato de coleta de lixo

6eb1605b204017f9c938be77e173dc95_w630h380
Secretaria de Serviços Urbanos diz que empresa não pagou direitos trabalhistas. Enob Ambiental disse que a prefeitura está com pagamentos em atraso. (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Itapevi decretou, nesta quinta-feira (6), estado de emergência depois que a única empresa de coleta de lixo da cidade encerrou o contrato, um ano antes do vencimento. Foi o desfecho de um impasse entre a prefeitura e a empresa Enob Ambiental.

A Secretaria de Serviços Urbanos alega que a empresa não pagou direitos trabalhistas e que a coleta estava em risco.

E a Enob Ambiental disse que não honrou os compromissos porque a prefeitura está com pagamentos em atraso. 

Veja mais notícias sobre Itapevi.

Veja também: