Danças Brasileiras fazem a alegria dos praticantes

vale-es

Os crescentes incentivos que a Secretaria de Cultura e Turismo tem feito nas diversas modalidades artísticas dos seus cursos livres vêm trazendo bons resultados. O curso de Danças Brasileiras é um bom sinal disso, ao atender cerca de 150 alunos e alunas, entre 4 e 15 anos de idade, em três bibliotecas municipais, além de aulas na Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência.

Para o secretário Jean Gaspar, a atividade artística é fator fundamental para integração social, formação cidadã e preparação para os futuros artistas da nossa cidade.

O curso de Danças Brasileiras contempla os estilos frevo, pau de fita, dança dos arcos, ciranda, xaxado, xote, entre outros. A professora Charlene Gomides explica que essas danças típicas brasileiras transmitem ideias e costumes de uma geração para outra, mantendo vivas as tradições nacionais. Além disso, traz benefícios físicos, mentais de quem pratica, ajudando na convivência e nas relações sociais do grupo.

O chamado pau de fita, por exemplo, é uma dança de roda que tem um mastro enfeitado com longas fitas multicoloridas presas em seu topo. Durante a dança, os participantes movimentam-se em ziguezague, trançando as fitas no mastro até que fique impossível prosseguir. Depois, é feito o movimento contrário, sempre acompanhado do ritmo da música em instrumentos como sanfona, violão e pandeiro.

Originadas no interior do Brasil, ou trazidas de outros países e adaptadas à realidade brasileira, essas danças têm aguçado o interesse não só de alunos como das pessoas que assistem às suas apresentações.

Para mais informações sobre o curso, entre em contato pelo telefone:
(11) 4191-1061.
 

Veja mais notícias sobre BarueriMúsica.

Veja também: